segunda-feira , dezembro 11 2017
Home / Alagoas / Estudantes da rede estadual são avaliados em língua portuguesa e matemática

Estudantes da rede estadual são avaliados em língua portuguesa e matemática

Cinquenta mil estudantes da rede pública estadual testaram suas habilidades em língua portuguesa e matemática nesta quarta-feira (29) durante a aplicação da Avaliação de Aprendizagem da Rede Estadual de Ensino de Alagoas (Areal). A avaliação foi aplicada com alunos do 7º ano do ensino fundamental e 1ª série do ensino médio.

A avaliação de larga escala aconteceu nos três horários e servirá de subsídio para o planejamento de políticas públicas pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc). “Além da prova, foram entregues questionários sócioeducacionais que foram respondidos pelos alunos, gestores e professores das disciplinas”, complementa o supervisor de estatísticas e avaliação da Seduc, Ademir Oliveira,

Preparativos – A prova foi aplicada em diversas regiões do estado e algumas escolas receberam os alunos de uma forma diferente, a exemplo das escolas estaduais Josefa da Conceição, no Canaã e Princesa Isabel, no Cepa, que entregaram kits com lanches para os estudantes que fariam as provas.

No Cepa, maior complexo educacional do estado, estudantes de 11 unidades de ensino participaram das provas.

Na Escola Estadual Professor José da Silveira Camerino, no Cepa, nove turmas de 7º ano do ensino fundamental e 1ª série do ensino médio se submeteram às provas. O diretor adjunto Elieu José da Silva diz que a escola intensificou os preparativos para a avaliação. “Nas duas semanas que antecederam a prova, fizemos aulões e simulados em português e matemática, utilizando a mesma sistemática da Prova Brasil”, conta o gestor.

Quem também usou a sistemática da Prova Brasil como preparatório para a Areal foi a Escola Estadual Teotônio Vilela, também no Cepa, onde 65 alunos do 7º ano fizeram as provas.  “Muitas das ações do Programa Escola 10 que promovemos com as turmas de 9º ano para a Prova Brasil foram direcionadas também para os 7º anos que fariam as provas da Areal. Além disso, fizemos um aulão especial no último sábado”, relata o diretor Cássio Costa.

A avaliação – Os estudantes que participaram da prova falaram de suas impressões sobre a avaliação. Um deles foi Carlos André Rodrigues, aluno da 1ª série do ensino médio da Escola Estadual Professor José da Silveira Camerino.

“Gostei muito da prova, achei muito interessante. Também achei muito bacana a iniciativa de ter um questionário socioeconômico”, afirma o adolescente de 15 anos de idade.

Fonte: Agência Alagoas

Compartilhe com seus amigos
Share on FacebookTweet about this on TwitterPrint this pageEmail this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *