quinta-feira , dezembro 13 2018
Home / Alagoas / População de Igreja Nova recebe ações de saúde do Dia D do Governo Presente

População de Igreja Nova recebe ações de saúde do Dia D do Governo Presente

Data: 15/05/2018
thiago_henrique_20180515_1797341129Em mais uma edição do Dia D do Governo Presente, a população de Igreja Nova recebeu, nesta terça-feira (15), diversos serviços de prevenção de doenças e promoção da saúde. As ações, promovidas pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), levaram conhecimento e possibilitaram aos moradores o acesso a informações que têm o propósito de evitar enfermidades.

Os moradores do município submeteram-se à verificação da pressão arterial, teste de glicemia e a palestras sobre as Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs). Ainda durante o evento foi possível ter acesso a vacinas de hepatite A e C, doença meningocócica, pentavalente, VIP, Volp, tetra e tríplice viral.

A população também realizou o teste rápido de HIV, sífilis e hepatites virais. Para realizar a testagem foi necessária apenas uma gota de sangue, através de punção digital, da mesma forma que é feito o teste de glicemia para diabéticos. O resultado foi liberado após 30 minutos da coleta de amostra sanguínea e, segundo Elma Liliane, técnica das Políticas Transversais da Sesau, o teste rápido de HIV, sífilis e hepatite tem acerto de 99,99% no resultado.

“Os testes rápidos para sífilis, hepatite B e C são de triagem, e em resultados positivos são necessários exames laboratoriais confirmatórios. Enquanto que o teste de HIV é um teste diagnóstico e, em resultados positivos, a pessoa é imediatamente encaminhada ao tratamento e aos exames complementares para detecção de carga viral, dentre outros”, explicou.

Rastreamento de câncer de boca

Na consulta de rastreamento do câncer de boca e orofaringe, um dentista fez um exame visual de todas as estruturas orais da população, como lábios, língua, gengivas, ‘céu da boca’ e bochechas; bem como das estruturas próximas à cavidade oral. De acordo com Elma Liliane, se houver suspeito de um tumor, serão solicitados exames de imagem e biópsias para poder completar o diagnóstico.

Além da consulta de rastreamento, houve orientações sobre a higiene bucal e a prevenção de doenças. A ideia foi proporcionar e orientar o público dos perigos da falta de cuidado com a saúde bucal. “Falar sobre prevenção de doenças é muito importante. Orientamos como as pessoas podem identificar os problemas e isso ocorre por meio de consultas com profissionais”, ressaltou Elma Liliane.

Durante a ação, a Sesau disponibilizou consultas especializadas em ortopedia e ginecologia. O objetivo foi ajudar a reduzir a demanda reprimida no atendimento à população, colaborando para o diagnóstico das doenças e agravos relacionados aos adultos.

Aedes aegypti

A fim de diminuir os índices de pessoas infectadas pela dengue, zika e chikungunya, transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti, a equipe da Sesau mostrou, por meio de um insetário, toda a evolução do vetor, desde o ovo, larva até a pulpa. Além disso, os moradores receberam soluções de hipoclorito de sódio para purificar a água de consumo e uso humano, visando reduzir as chances de contaminação por vírus, parasitas e bactérias causadores de diarreia, hepatite A, cólera e rotavírus.

Nutrição

A importância das refeições em família, orientações sobre o preparo de comidas menos processadas, sugestões de como isso pode ser modificado no cotidiano foram temas abordados de maneira adequada ao público, que prestou, atento, as dicas do nutricionista. Além disso, os moradores puderam ter uma aula completa, de 30 minutos, para aumentar a flexibilidade e promover o relaxamento, mandando o estresse para bem longe, assim como, eles aprenderam técnicas de massagens com o objetivo de aliviar alguns pontos de tensão.

Ambulância

Ainda nesta terça-feira (15), o secretário de Estado da Saúde, Christian Teixeira, entregou mais duas ambulâncias do Serviço de Transporte Sanitário (Sets), beneficiando os municípios de Igreja Nova e Penedo. Os veículos fazem parte do montante de 130 ambulâncias, adquiridas pelo Governo do Estado com recursos do Fundo de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep).

Cada ambulância tem o valor estimado de R$ 165 mil. Implantado em julho de 2016, o Serviço de Transporte Sanitário consiste em deslocar os pacientes para a realização de procedimentos não urgentes e exames ou transferi-los para os leitos de retaguarda nas unidades hospitalares conveniadas à Sesau.

Fonte: Agência Alagoas

Compartilhe com seus amigos
Share on FacebookTweet about this on TwitterPrint this pageEmail this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *