terça-feira , outubro 15 2019
Home / Alagoas / Novo Centro de Diagnóstico e Imagem da Uncisal atenderá 4.500 pacientes por mês

Novo Centro de Diagnóstico e Imagem da Uncisal atenderá 4.500 pacientes por mês

Data: 15/07/2019

Foto: Márcio Ferreira
Foto: Márcio Ferreira

Inaugurado na manhã desta segunda-feira (15) pelo governador Renan Filho, no bairro do Trapiche, o Centro de Diagnóstico e Imagem Professor Alberto Cardoso (Cedim) representa o início de uma nova era na saúde pública de Alagoas. Por meio da telemedicina, municípios conveniados com a rede de diagnóstico da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal) terão acesso a laudos com maior rapidez e que estarão à disposição dos profissionais da área e dos pacientes no interior do estado por meio de aplicativos móveis.

“Vamos avançar na telemedicina. O exame será feito no interior do estado e o laudo sairá de lá remotamente, chegando aqui no Cedim digitalizado, através da internet, para análise dos médicos. Isso garantirá mais agilidade, reduzirá custos e facilitará a vida do cidadão no interior”, afirmou Renan Filho, ao lado do reitor da Uncisal, Henrique de Oliveira Costa, e do secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres.

Segundo o reitor, a unidade terá capacidade para realizar mensalmente 4,5 mil atendimentos e garantirá, aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) da capital e do interior de Alagoas, o acesso a exames como mamografia, desintometria óssea, raio-x, ressonância, ecocardiograma, eletrocardiograma, dentre outros.

O espaço servirá, ainda, ao ensino, pesquisa e extensão da Uncisal. Foram investidos R$ 172 mil na última etapa da reforma. Ainda de acordo com o reitor, até dezembro o número de atendimentos se elevará a 8 mil, chegando a 12 mil em 2020, quando serão realizados exames de ressonância.

“Os municípios poderão usufruir dos serviços desde que entrem na rede de diagnóstico da Uncisal. Eles vão poder receber os laudos virtualmente (telelaudos). Os pacientes poderão, inclusive, ter acesso aos resultados por meio de aplicativo e os médicos vão acompanhar em tempo hábil a entrega dos exames. Esse é o grande diferencial. Os equipamentos são de última geração, equiparáveis aos do setor privado. Vamos atender também o HGE e há a perspectiva de atendermos o Hospital da Mulher”, acrescentou Henrique Costa.

Presente à inauguração, o professor Alberto Cardoso, que dá nome ao Cedim, agradeceu a homenagem. “Estou bastante emocionado, porque estou ligado a isso daqui desde o tempo de estudante. Fui acadêmico do José Carneiro e um dos fundadores das Ciências Médicas. Para mim é uma honra incomensurável ter meu nome ligado a essa casa”, declarou o homenageado.

O governador e o secretário de Estado da Saúde também fizeram a entrega de uma van adaptada para o transporte de pessoas com deficiência ao Centro Especializado em Reabilitação (CER) da Uncisal.

Concurso

O secretário da Saúde afirmou que o sistema de diagnóstico chega para complementar e dar suporte ao processo de ampliação da rede hospitalar de Alagoas, que avança com a construção de cinco novos hospitais (dois na capital e três no interior) e três Unidades de Pronto Atendimento (UPAS) em Maceió, duas delas em fase de conclusão nos bairros do Jacintinho e Tabuleiro do Martins.

De acordo com Ayres, já integram a rede de diagnóstico de Alagoas e podem contar com os serviços do Cedim os municípios de Teotônio Vilela, Penedo, Murici, Santana do Ipanema e Capela. “O Cedim veio para ficar. Ele será uma retaguarda também para o HGE”, garantiu.

O secretário revelou que irá anunciar, nesta terça-feira (16) a partir do meio-dia, por meio das redes sociais da Sesau e do Governo de Alagoas, as regras para o Processo Seletivo Simplificado (PSS) destinado ao Hospital da Mulher, que será entregue até setembro.

“O governador já autorizou e, até o final do ano, vamos realizar o concurso público da Saúde, depois de 16 anos. Nós precisamos seguir avançando, levando saúde para quem mais precisa”, acrescentou Ayres.

 

por Severino Carvalho/Agência Alagoas

Compartilhe com seus amigos
Share on FacebookTweet about this on TwitterPrint this pageEmail this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *