.:: OparaNews ::. Penedo Alagoas

Empresa vence leilão da Casal com lance de R$ 2 bilhões

A Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) foi vendida nesta quarta-feira (30) por R$ 2,009 bilhões. A empresa BRK Ambiental foi quem deu o maior lance durante o leilão e é quem vai administrar o serviço público de fornecimento de água e esgoto da região metropolitana de Maceió pelos próximos 35 anos.

O leilão foi realizado na bolsa de valores B3, em São Paulo. O governador Renan Filho (MDB) e representantes do Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES) participaram do encontro, que foi transmitido ao vivo pela internet.

Durante coletiva, Renan Filho falou que a quantia conseguida com a concessão vai ajudar a girar a economia do estado.

“Vai haver forte geração de emprego. Durante as obras que vão ser feitas vamos precisar de mais pessoas trabalhando. Com relação aos benefícios, a saúde é diretamente afetada, já que a maior causa de morte ainda são as doenças causadas pela falta de saneamento. O turismo também vai ser beneficiado quando tivermos 100% do esgotamento garantido”, disse.

O leilão tinha sido suspenso na terça-feira (29) pela desembargadora Elisabeth Carvalho Nascimento, mas a decisão foi derrubada pelo presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas, o desembargador Tutmés Airan, na manhã desta quarta.

A suspensão havia sido requerida pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Marechal Deodoro que argumentou sobre a inexistência de consulta e realização de audiências públicas junto às cidades atendidas pela concessão do serviços.

Em novembro do ano passado, os funcionários da Casal fizeram um protesto em Maceió contra a privatização da companhia. Na época, um plano de Parceria Público Privada para a Casal foi apresentado.

Além de Maceió, outros 12 municípios são atendidos pela Casal:

Atalaia
Barra de Santo Antônio
Barra de São Miguel
Coqueiro Seco
Maceió
Marechal Deodoro
Messias
Murici
Paripueira
Pilar
Rio Largo
Santa Luzia do Norte
Satuba

 

Fonte: G1/AL

 

Compartilhe com seus amigos

Adicionar comentário