.:: OparaNews ::. Penedo Alagoas

Ministério da Saúde premia SEMS Penedo por alcance de metas em vacinação

Todas as campanhas de vacinação desenvolvidas em Penedo, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SEMS), atingiram a meta determinada pelo governo federal. Mais do que isso, o trabalho ultrapassou os 95% de cobertura exigidos pelo Ministério da Saúde para as vacinações, de rotina ou pontuais, prova do compromisso do governo Március Beltrão/Ronaldo Lopes com o povo de Penedo.

Como reconhecimento ao empenho nas ações que imunizam as pessoas contra doenças letais ou causadoras de sequelas irreversíveis, a SEMS Penedo foi premiada com recurso para a aquisição de uma câmara de refrigeração com capacidade de 400 litros, equipamento de ponta que somente oito municípios alagoanos conseguiram, mais uma prova da qualidade da assistência ofertada à população no governo “Penedo, Terra do Desenvolvimento e da Cultura”.

A câmara que custa cerca de vinte e cinco mil reais está na Farmácia Central da SEMS, SENDO a mais avançada disponível no mercado, com bateria para manter a conservação homogênea, estável e sem oscilação de temperatura, até mesmo se faltar energia.

“Além de manter a temperatura adequada, em 5 graus Celsius positivo, caso ocorra uma queda de energia, não haverá perda de vacina porque a nossa câmara suporta por 48 horas. Assim, podemos armazenar os imunobiológicos de forma mais segura, garantindo mais eficácia e qualidade no processo de imunização de nossa população”, explica Jamila Gabriela Peixoto, enfermeira e Diretora de Epidemiologia e Imunização da SEMS Penedo.

Vacinação Nominal

Sobre os critérios exigidos pelo governo federal para o repasse destinado à compra da câmara refrigerada, Jamila Peixoto destaca a efetivação da identificação nominal na vacinação dos pequeninos.

“Toda criança que toma vacina em Penedo é registrada nominalmente, isso em qualquer uma das 20 salas de vacina do município. Esse sistema permite melhor acompanhamento da cobertura vacinal, identifica quem está com vacina em atraso e, em caso de perda do cartão de vacinação, é possível atualizar o documento, sem precisar refazer todas as vacinas porque os dados estão salvos no sistema, basta acessar o arquivo da criança e passar as informações para um novo cartão”.

A Diretora de Epidemiologia e Imunização da SEMS Penedo destaca ainda o alcance de todas as metas na vacinação de crianças com menos de um ano de vida, quase todas em mais de 100% porque a referência do Ministério da Saúde tem como base projeções de população do IBGE ou registros de nascidos vivos no município.

Mais de 100%

“Como nosso trabalho é feito com muita responsabilidade, a gente termina as campanhas acima das estimativas. Por isso tivemos 112% na rotina da vacina rotavírus, que exige aplicação em prazos regulares para não perder sua eficácia; alcançamos 111% com a pentavalente (contra cinco tipos de doença); 109% com a pneumocócica; 102% contra a poliomielite e 100% na da BCG”, relata Jamila Peixoto.

SEMS PENEDO ATINGE META DE VACINAÇÃO

Outro item avaliado pelo Ministério da Saúde diz respeito à campanha contra o sarampo. Realizada entre outubro e novembro do ano passado, a prevenção de amplo alcance (a partir de bebês com 6 meses de vida até pessoas com 49 anos de idade) não tinha meta a ser atingida, mas não só foi realizada em tempo hábil em Penedo, com registros validados pelo Ministério da Saúde, como também teve prosseguimento para estender o benefício.

A SEMS Penedo inicia nesta semana a campanha 2020 contra o sarampo, com o mesmo empenho das demais ações promotoras de saúde pública.

 

por Fernando Vinícius – Decom PMP

 

Compartilhe com seus amigos

Adicionar comentário